" /--> Cursos
Curso para introdução a restauração de veículos antigos

Curso para introdução a restauração de veículos antigos

Inicio: 13/03/2017

Término:  10/05/2017

Horário: De segunda a quinta das 19 horas até 22:15

Carga Horária: 102 horas

 

OBJETIVO

Promover aos participantes informações para a construção do conhecimento necessário para o aproveitamento adequado, nos Cursos de Capacitação Profissional, em Restauração de Veículos Antigos, nas modalidades: Mecânica, Funilaria, Pintura, Elétrica, Tapeçaria e Marcenaria;

Perfil do Participante

Jovens e adultos, estudantes, profissionais, colecionadores e/ou aficionados, interessados em participarem dos cursos profissionalizantes nas 06 modalidades de Restauração de Veículos;

Material Didático

O Material Didático não está incluído no valor do curso acima
* As apostilas disponíveis poderão ser adquiridas pelo valor de R$9,90/ volume.

Introdução à Restauração de Veículos Antigos:
Apostila Ilustrada e Encadernada (03 Volumes)
O Automóvel e sua História:
Apostila Ilustrada e Encadernada (01 Volume)

Qual a Programação do curso

A Funilaria da Carroceria;

A Preparação e Pintura da Carroceria;

A Mecânica Automotiva;

A Caixa de Câmbio;

O Conjunto de Diferencial;

O Sistema de Freios;

O Conjunto de Suspensão;

O Sistema de Direção;

Rodas e Pneus;

A Eletricidade Automotiva;

Estudo dos Tipos de Carrocerias

A Marcenaria de Veículos

A Tapeçaria Automotiva

Onde se iniciou a História do Automóvel e Sua Evolução:

Anos de 1900
O automóvel do início do século XX ainda herda uma forte influência do período das carruagens; Amostra das configurações de carrocerias utilizadas no período;
O movimento Art Noveau ditas as regras estéticas, inclusive nos automóveis;
O momento é de experimentação no mundo automotivo, quando inventores independentes apresentam alguns dos mais exóticos veículos da história;
O processo de produção artesanal e semi-artesanal e o costume de se encomendar carrocerias especiais para construtores independentes;
Carros movidos a vapor e a eletricidade dividem as ruas com os movidos por motores de combustão interna; Ainda não se sabe qual das tecnologias será a dominante;
Nasce o Mercedes Simplex, que se estabelece como importante referência a ser copiada pelos concorrentes;
Henry Ford apresenta seu Modelo T;

Anos de 1910
A “Brass Era” (Era do Latão) prossegue até aproximadamente 1914;
As carrocerias são construídas a partir de uma estrutura de madeira revestida geralmente em aço ou alumínio e exigem mão de obra altamente especializada;
Surgem os Cyclecars;
Henry Ford implanta a linha de montagem móvel, que tem como uma de suas características a redução do uso de mão de obra especializada e a redução de custos de produção; Para inaugurar o sistema ele escolhe o seu Modelo T, que ajuda a colocar a América e o mundo sobre rodas;
Eclode a Primeira guerra Mundial; O papel do automóvel no conflito;
O automóvel começa a virar uma febre e inspira até mesmo manifestações artísticas;
Após o conflito, o automóvel caminha para um período de consolidação de sua indústria e começa a adquirir uma linguagem própria, cada vez mais distanciada das carruagens que os inspiraram;

Anos de 1920
A grande prosperidade econômica estadunidense nos anos 20 e o extremismo político em países europeus;
O ápice da produção do Ford Modelo T e sua substituição pelo Modelo A;
Os reflexos do início da massificação do automóvel para a sociedade;
Os avanços tecnológicos, o início da “Era do Rádio” e sua influência na sociedade;
Charleston, Flappers e a Era do Jazz;
A “Lei Sêca”nos EUA e a proliferação do crime organizado;
A produção de modelos populares como o Austin Seven e Peugeot Quadrilette;
O uso da madeira como elemento estrutural das carrocerias começa a dar lugar a carrocerias totalmente metálicas;
O surgimento da tinta DUCO encurta o tempo de secagem na linha de produção;
Henry Ford e Alfred P; Sloan: diferentes visões na produção e venda de automóveis;
Paul Jaray fundamenta as bases da aerodinâmica aplicada aos automóveis;
A quebra da Bolsa de Valores de Nova Iorque em outubro de 1929 muda a face da economia dos EUA e do mundo;

Anos de 1930
A Grande Depressão dos anos 1930 e a falência de inúmeros pequenos fabricantes de automóveis de luxo;
A influência do movimento artístico Art Deco no design dos automóveis e o surgimento do estilo Streamline Design, que “aerodinamiza” os automóveis, tornando-os mais atraentes e estimulando a economia de consumo;
Nos EUA, o Chrysler Airflow e o Lincoln Zephyr mostram o caminho para carros de série mais aerodinâmicos;
Na França, a Citroën apresenta o Traction Avant, o primeiro carro com carroceria autoportante produzido em série na história;
O surgimento do KDF Wagen em 1938, na Alemanha nazista;
A Fisher Body Co; apresenta o “Turret Top”, permitindo pela primeira vez o uso do teto totalmente em aço nos carros de produção;
Encarroçadores independentes como Figoni & Falaschi e Bohlman & Schwartz desenvolvem algumas das carrocerias mais exóticas de todos os tempos;
Nascem os fabricantes japoneses Toyota e Datsun;
Começa a Segunda Guerra Mundial na Europa;

Anos de 1940
A 2ª Guerra Mundial e o redirecionamento da indústria automobilística para o esforço de guerra na primeira metade da década;
O racionamento de petróleo e matérias primas imposto pela guerra;
O nascimento do Jipe, resultado do esforço de guerra;
O automóvel americano na segunda metade dos anos 1940: Cada vez maior e mais confortável;
O automóvel na Europa: Carros pequenos e econômicos;
Nasce o tail-fin, conhecido no Brasil como “rabo-de-peixe”;
O Ford Customline salva a marca da falência nos EUA;
Nascem as marcas Ferrari, Porsche, SAAB e Land Rover;
A Jaguar lança um de seus maiores clássicos, o XK 120;
Tucker Torpedo: Seus avanços e seu desaparecimento prematuro;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias;

Anos de 1950
O boom econômico estadunidense se reflete na opulência e extravagância de seus carros, frutos de uma era de otimismo, muito dinheiro e sonhos com o futuro;
A ascensão da cultura popular americana;
Os Tail-fins (Rabos-de-peixe) de Harley Earl e Virgyll Exner;
As Dagmars (garras de pára-choque ogivais);
O Rock-and-Roll nasce inspirado nos automóveis;
A recuperação econômica da Europa no pós guerra, com a construção de carros pequenos e econômicos, acentuando a diferença entre os conceitos norte-americano e europeu de como deve ser um automóvel;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;
Hollywood promove e influencia a indústria automobilística americana;
A popularização do câmbio automático nos EUA;
A General Motors introduz o primeiro carro de série produzido em fibra-de-vidro, o Corvette;
A Citroën revoluciona o mundo automotivo lançando seu inusitado DS 19;
A Fiat apresenta seu ultra compacto 500;
A BMC apresenta seu revolucionário Mini, o primeiro a adotar o motor transversal dianteiro;

Anos de 1960
A Guerra do Vietnam, a cultura pop, a contra-cultura, a música, a economia, a política e sua influência no mundo do automóvel;
O fim dos tail-fins (rabos-de-peixe) e início do uso de linhas retas nas carrocerias;
O primeiro contra-ataque da indústria automobilística estadunidense como resposta ao início da invasão das marcas japonesas e européias;
A polemica gerada por Ralph Nader, o Chevrolet Corvair e o início dos direitos do consumidor;
O surgimento do Ford Mustang e sua forte influência na indústria automobilística;
Pony-cars e Muscle-cars, marcos americanos no setor dos esportivos;
Os carros esporte italianos e o surgimento da Lamborghini;
A Porsche apresenta o 911 e a Jaguar o Tipo E;
NSU, um carro com mecânica revolucionária e com um design à frente de seu tempo;
Renault 16 e o início da bem sucedida trajetória dos hatchbacks;
A Honda entra no ramo dos automóveis;
O primeiro “boom” da indústria automobilística brasileira;
O regime militar no Brasil e sua influencia na indústria automobilística;
A trajetória da Willys-Overland, Vemag e Simca, os modelos desenhados para o Brasil e sua absorção pelas marcas Ford, Volkswagen e Chrysler;
A General Motors investe em seu primeiro automóvel fabricado no Brasil, o Opala;

Anos de 1970
As crises do petróleo e seu forte impacto na indústria automobilística norte-americana e mundial;
Os modelos AMC Gremlin, Chevrolet Vega e Ford Pinto marcam o início de uma nova ofensiva dos EUA contra a invasão dos modelos japoneses e europeus;
A era do downsizing nos modelos americanos;
A corrida espacial entre EUA e URSS coloca na superfície da Lua os jipes lunares;
A chegada do Chevette e o início da ampliação da linha de modelos Chevrolet fabricados no Brasil;
A italiana Fiat chega ao Brasil com um modelo derivado do 127;
Golf, Passat e Scirocco, a marca da Italdesign, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani na Volkswagen faz escola;
A Volkswagen do Brasil lança modelos como o Brasília e o SP2, marcos da capacidade nacional no desenvolvimento próprio de novos modelos;
A década vê a ascensão e queda da Chrysler do Brasil e seus modelos V8 baseados na linha Dart americana;;
Os Alfa-Romeo brasileiros, únicos da marca do Cuore Sportivo fabricados fora da Itália, sofrem no período sua maior evolução;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;

Anos de 1980
Os avanços tecnológicos do período (Air-bags, Cd-players, ônibus espaciais, computadores pessoais, etc);
A política, a economia e suas influências no Brasil e no mundo (As diretas já, a hiperinflação, a queda do muro de Berlin, o massacre da Praça de Tien an men);
O Trabant como símbolo do atraso e da falência de um regime;
A primeira marca japonesa de automóveis a se instalar em solo estadunidense e o histórico acordo Toyota-GM; O “Toyotismo” substitui o “Fordismo” como paradigma a ser seguido pela indústria;
A crise da Chrysler e seu renascimento pelas mãos de Lee Iacocca, da plataforma “K” e das minivans;
Renault Espace e Chrysler Caravan, protagonistas de uma nova era e do surgimento de uma nova categoria, a das minivans;
O sonho mal sucedido de John Zacary De Lorean e o processo de produção empregado no DMC 12;
O Yugo e sua tentativa de se impor no mercado estadunidense;
Fiat Panda e Fiat Uno, exemplos históricos da competência da Italdesign e seus protagonistas, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani;
A breve incursão da Lamborghini no mercado dos utilitários;
A Fiat brasileira exporta para a matriz;
Audi Quattro, Porsche 959, Ferrari F-40, VW Bus T3, BMW E-30, E-34 e E-31, Jeep Cherokee: Marcos da indústria automobilística;
O Pontiac Fiero e seu exótico processo de produção;
O Ford Taurus e sua histórica liderança do mercado estadunidense de sedans, frente à Honda e Toyota;
Brasil: O maior produtor mundial de veículos fora-de-série; A era da fibra-de-vidro;
Carros mundiais no Brasil: Escort e Monza mudam os paradigmas em sua categoria;
O Gol da Volkswagen estréia com a missão de substituir o Fusca;
A Gurgel lança o BR-800, primeiro veículo inteiramente brasileiro produzido em série;

Anos de 1990
Computação gráfica e realidade virtual mostram o caminho dos novos projetos de automóveis;
Os telefones celulares e a internet revolucionam as comunicações e a era da informação se consolida;
Os utilitários esportivos e os esportes radicais indicam mudanças de comportamento nos consumidores;
Honda/Acura NSX e a primeira carroceria construída inteiramente em alumínio;
A Chrysler surpreende o mundo com os lançamentos ousados do Dodge Viper e Plymouth Prowler;
A Ford indica novos caminhos para o design, com seu New Edge Design;
A Renault inova com seu monovolume urbano Twingo e apresenta sua própria minivan, a Scénic, que também passa a ser produzida no Brasil;
O polemico design do americano Chris Bangle é apresentado ao mundo através do Fiat Coupé;
Walter de Silva dá nova vida à marca Alfa-Romeo com o modelo 156;
A Mercedes-Benz apresenta seu SLK, conversível de capota rígida, após a Honda lançar o DelSol, onde um robô recolhe o teto em alumínio e o guarda no porta-malas;
Em uma inusitada associação entre um fabricante de relógios de pulso e uma montadora, nasce o SMART, apontando os caminhos para os carros urbanos do futuro;
A onda retrô toma conta da indústria automobilística a partir do Volkswagen New Beetle;
O melancólico fim da Gurgel mata a esperança de uma marca genuinamente brasileira;
No Brasil são reabertas as importações no início da década, levando a uma total revolução na indústria local a partir do final dos anos 1990, quando começam a chegar os chamados New Commers, tais como Honda, Toyota e Renault.

Para seber as formas de pagamento acesse www.escoladerestauracao.com.br

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.
Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados. Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade. Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu veículo.

Pós-graduação em Motores de Combustão Interna – SENAI-Ipiranga – Inscrições abertas

Pós-graduação em Motores de Combustão Interna – SENAI-Ipiranga – Inscrições abertas

A Faculdade de Tecnologia SENAI “Conde José Vicente de Azevedo”, localizada no bairro do Ipiranga em São Paulo/SP, tem inscrições abertas para o curso de Pós-graduação em Motores de Combustão Interna até o dia 11 de janeiro de 2017.

De acordo com o SENAI, o curso tem como objetivo geral formar especialistas com visão atualizada das tecnologias disponíveis no mercado e emergentes, relacionadas ao segmento de motores de combustão interna. A instituição afirma que podem se inscrever candidatos diplomados em cursos de graduação ou demais cursos superiores em áreas relacionadas à tecnologia/engenharia mecânica, física, eletricidade e eletrônica.

Serviço
Pós-graduação em Motores de Combustão Interna
Duração: 18 meses / 360 horas
Horário do curso: das 09h15 às 16h15 – Aos Sábados.
Vagas: 40
Inscrições: até 11/01/17
Como se inscrever: encaminhando currículo para o e-mail: posgraduacao113@sp.senai.br
Resultado da Seleção: 12 e 13/01/2017
Matrícula: 16/01/2017 a 20/01/2017
Início das aulas: 28/01/2017
Término Previsto: 30/06/2018
Investimento: 18 parcelas de R$ 665,00

Documentos necessários para a matrícula:

I – cópia autenticada do diploma do curso superior devidamente registrado, salvo no caso de graduandos, que terão 10 (dez) dias úteis, após o início das aulas, para apresentar documento que comprove a conclusão do ensino superior;

II – cópia autenticada do histórico escolar do curso superior;

III – cópia simples de documento de identidade;

IV – cópia simples do Cadastro das Pessoas Físicas (CPF);

V – cópia simples do título de eleitor;

VI – uma foto 3x4 recente;

VII – comprovante do pagamento da primeira parcela.

Como comprar um veículo antigo – Curso noturno

Como comprar um veículo antigo – Curso noturno

 Início: 07/03/2016
 Término: 11/03/2016
 Carga Horária: 9 horas
 Turma: Segunda, Quarta e Sexta das 19:00 as 22:00 h

Professor
Fabio de Cillo Pagotto

Objetivo
Prover, ao participante, informações que permitam estabelecer critérios e segurança na aquisição de um Veículo Antigo.

Perfil do Participante
Estudantes, Colecionadores e Aficionados interessados em adquirir um Veículo Antigo.

Programação/Assuntos Envolvidos
O que é um Veículo Antigo? O Que é um futuro Clássico?;
Análise de mercado e valorização, histórico da evolução do mercado. O Veículo Antigo como investimento;
Escolha do modelo: pronto ou para restaurar? Original ou modificado/customizado (Hot/Street Rod);
Importação de Veículos Antigos: Custos, benefícios e dificuldades;
Análise na compra: Razão x emoção;
O primeiro Veículo Antigo: Como escolher?;
Como guardar o Veículo, formas de conservação e uso;
Eventos e locação;
Seguros e socorro mecânico.

Opções do Mercado, Análise do Modelo Mais Adequado e Instruções para Aquisição de um Veículo Antigo.

img-rva-comprar-veiculo-antigo

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 74,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 4 parcelas iguais e consecutivas de R$ 74,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 4 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Faça sua inscriçãowww.accasc.org.br/form_geral.asp?idcurso=85

 

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Alinhamento de Direção 3D, Computadorizado e Laser

Curso de Alinhamento de Direção 3D, Computadorizado e Laser

APRIMORE SEU CURRÍCULO E ESTEJA PREPARADO PARA ATENDER AINDA MELHOR SEU CLIENTE. 

curso-de-alinhamento-de-direcao-3d-computadorizado-e-laser2

Conteúdo abordado no curso:

  • Geometria de veículos e sua importância;
  • Ângulos de Cambagem;
  • Ângulo de Convergência;
  • Ângulo de Caster;
  • Ângulo de KPI e Divergência em curva;
  • Ajuste do eixo Dianteiro e traseiro;
  • Ajuste com Cyborg;
  • Ajuste com calços de alinhamento;
  • Ajuste no próprio veículo;
  • Ensino no equipamento a laser;
  • Ensino no equipamento 3D;
  • Conceitos de aferição e manutenção.

 

curso-de-alinhamento-de-direcao-3d-computadorizado-e-laser1

 

Para mais informações: www.escoladomecanico.com.br

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

A história do automóvel e sua evolução

A história do automóvel e sua evolução

Início: 10/09/2015
Término: 05/11/2015
Carga Horária: 24 horas em 8 aulas
Turma: Quinta das 19:00 as 22:15 h

Pré Requisito: Paixão por veículos antigos

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 196,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 5 parcelas iguais e consecutivas de R$ 99,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 5 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

a-historia-do-automovel-e-sua-evolucao

Inscrição: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=59

 

Objetivo
Prover aos participantes um acréscimo de conhecimento sobre o automóvel através do estudo de sua evolução e de sua história, além do entendimento de sua fundamental importância na evolução da humanidade.

Perfil do Participante
Jovens e adultos, estudantes, profissionais, colecionadores e/ou aficionados, interessados em participarem dos cursos profissionalizantes nas 06 modalidades de Restauração de Veículos;

Material Didático
O Automóvel e sua História
Apostila ilustrada e encadernada

Programa
O automóvel do início do século XX ainda herda uma forte influência do período das carruagens; Amostra das configurações de carrocerias utilizadas no período;
O movimento Art Noveau ditas as regras estéticas, inclusive nos automóveis;
O momento é de experimentação no mundo automotivo, quando inventores independentes apresentam alguns dos mais exóticos veículos da história;
O processo de produção artesanal e semi-artesanal e o costume de se encomendar carrocerias especiais para construtores independentes;
Carros movidos a vapor e a eletricidade dividem as ruas com os movidos por motores de combustão interna; Ainda não se sabe qual das tecnologias será a dominante;
Nasce o Mercedes Simplex, que se estabelece como importante referência a ser copiada pelos concorrentes;
Henry Ford apresenta seu Modelo T;

Anos de 1910
A “Brass Era” (Era do Latão) prossegue até aproximadamente 1914;
As carrocerias são construídas a partir de uma estrutura de madeira revestida geralmente em aço ou alumínio e exigem mão de obra altamente especializada;
Surgem os Cyclecars;
Henry Ford implanta a linha de montagem móvel, que tem como uma de suas características a redução do uso de mão de obra especializada e a redução de custos de produção; Para inaugurar o sistema ele escolhe o seu Modelo T, que ajuda a colocar a América e o mundo sobre rodas;
Eclode a Primeira guerra Mundial; O papel do automóvel no conflito;
O automóvel começa a virar uma febre e inspira até mesmo manifestações artísticas;
Após o conflito, o automóvel caminha para um período de consolidação de sua indústria e começa a adquirir uma linguagem própria, cada vez mais distanciada das carruagens que os inspiraram;

Anos de 1920
A grande prosperidade econômica estadunidense nos anos 20 e o extremismo político em países europeus;
O ápice da produção do Ford Modelo T e sua substituição pelo Modelo A;
Os reflexos do início da massificação do automóvel para a sociedade;
Os avanços tecnológicos, o início da “Era do Rádio” e sua influência na sociedade;
Charleston, Flappers e a Era do Jazz;
A “Lei Sêca”nos EUA e a proliferação do crime organizado;
A produção de modelos populares como o Austin Seven e Peugeot Quadrilette;
O uso da madeira como elemento estrutural das carrocerias começa a dar lugar a carrocerias totalmente metálicas;
O surgimento da tinta DUCO encurta o tempo de secagem na linha de produção;
Henry Ford e Alfred P; Sloan: diferentes visões na produção e venda de automóveis;
Paul Jaray fundamenta as bases da aerodinâmica aplicada aos automóveis;
A quebra da Bolsa de Valores de Nova Iorque em outubro de 1929 muda a face da economia dos EUA e do mundo;

Anos de 1930
A Grande Depressão dos anos 1930 e a falência de inúmeros pequenos fabricantes de automóveis de luxo;
A influência do movimento artístico Art Deco no design dos automóveis e o surgimento do estilo Streamline Design, que “aerodinamiza” os automóveis, tornando-os mais atraentes e estimulando a economia de consumo;
Nos EUA, o Chrysler Airflow e o Lincoln Zephyr mostram o caminho para carros de série mais aerodinâmicos;
Na França, a Citroën apresenta o Traction Avant, o primeiro carro com carroceria autoportante produzido em série na história;
O surgimento do KDF Wagen em 1938, na Alemanha nazista;
A Fisher Body Co; apresenta o “Turret Top”, permitindo pela primeira vez o uso do teto totalmente em aço nos carros de produção;
Encarroçadores independentes como Figoni & Falaschi e Bohlman & Schwartz desenvolvem algumas das carrocerias mais exóticas de todos os tempos;
Nascem os fabricantes japoneses Toyota e Datsun;
Começa a Segunda Guerra Mundial na Europa;

Anos de 1940
A 2ª Guerra Mundial e o redirecionamento da indústria automobilística para o esforço de guerra na primeira metade da década;
O racionamento de petróleo e matérias primas imposto pela guerra;
O nascimento do Jipe, resultado do esforço de guerra;
O automóvel americano na segunda metade dos anos 1940: Cada vez maior e mais confortável;
O automóvel na Europa: Carros pequenos e econômicos;
Nasce o tail-fin, conhecido no Brasil como “rabo-de-peixe”;
O Ford Customline salva a marca da falência nos EUA;
Nascem as marcas Ferrari, Porsche, SAAB e Land Rover;
A Jaguar lança um de seus maiores clássicos, o XK 120;
Tucker Torpedo: Seus avanços e seu desaparecimento prematuro;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias;

Anos de 1950
O boom econômico estadunidense se reflete na opulência e extravagância de seus carros, frutos de uma era de otimismo, muito dinheiro e sonhos com o futuro;
A ascensão da cultura popular americana;
Os Tail-fins (Rabos-de-peixe) de Harley Earl e Virgyll Exner;
As Dagmars (garras de pára-choque ogivais);
O Rock-and-Roll nasce inspirado nos automóveis;
A recuperação econômica da Europa no pós guerra, com a construção de carros pequenos e econômicos, acentuando a diferença entre os conceitos norte-americano e europeu de como deve ser um automóvel;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;
Hollywood promove e influencia a indústria automobilística americana;
A popularização do câmbio automático nos EUA;
A General Motors introduz o primeiro carro de série produzido em fibra-de-vidro, o Corvette;
A Citroën revoluciona o mundo automotivo lançando seu inusitado DS 19;
A Fiat apresenta seu ultra compacto 500;
A BMC apresenta seu revolucionário Mini, o primeiro a adotar o motor transversal dianteiro;

Anos de 1960
A Guerra do Vietnam, a cultura pop, a contra-cultura, a música, a economia, a política e sua influência no mundo do automóvel;
O fim dos tail-fins (rabos-de-peixe) e início do uso de linhas retas nas carrocerias;
O primeiro contra-ataque da indústria automobilística estadunidense como resposta ao início da invasão das marcas japonesas e europeias;
A polemica gerada por Ralph Nader, o Chevrolet Corvair e o início dos direitos do consumidor;
O surgimento do Ford Mustang e sua forte influência na indústria automobilística;
Pony-cars e Muscle-cars, marcos americanos no setor dos esportivos;
Os carros esporte italianos e o surgimento da Lamborghini;
A Porsche apresenta o 911 e a Jaguar o Tipo E;
NSU, um carro com mecânica revolucionária e com um design à frente de seu tempo;
Renault 16 e o início da bem sucedida trajetória dos hatchbacks;
A Honda entra no ramo dos automóveis;
O primeiro “boom” da indústria automobilística brasileira;
O regime militar no Brasil e sua influencia na indústria automobilística;
A trajetória da Willys-Overland, Vemag e Simca, os modelos desenhados para o Brasil e sua absorção pelas marcas Ford, Volkswagen e Chrysler;
A General Motors investe em seu primeiro automóvel fabricado no Brasil, o Opala;

Anos de 1970
As crises do petróleo e seu forte impacto na indústria automobilística norte-americana e mundial;
Os modelos AMC Gremlin, Chevrolet Vega e Ford Pinto marcam o início de uma nova ofensiva dos EUA contra a invasão dos modelos japoneses e europeus;
A era do downsizing nos modelos americanos;
A corrida espacial entre EUA e URSS coloca na superfície da Lua os jipes lunares;
A chegada do Chevette e o início da ampliação da linha de modelos Chevrolet fabricados no Brasil;
A italiana Fiat chega ao Brasil com um modelo derivado do 127;
Golf, Passat e Scirocco, a marca da Italdesign, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani na Volkswagen faz escola;
A Volkswagen do Brasil lança modelos como o Brasília e o SP2, marcos da capacidade nacional no desenvolvimento próprio de novos modelos;
A década vê a ascensão e queda da Chrysler do Brasil e seus modelos V8 baseados na linha Dart americana;;
Os Alfa-Romeo brasileiros, únicos da marca do Cuore Sportivo fabricados fora da Itália, sofrem no período sua maior evolução;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;

Anos de 1980
Os avanços tecnológicos do período (Air-bags, Cd-players, ônibus espaciais, computadores pessoais, etc);
A política, a economia e suas influências no Brasil e no mundo (As diretas já, a hiperinflação, a queda do muro de Berlin, o massacre da Praça de Tien an men);
O Trabant como símbolo do atraso e da falência de um regime;
A primeira marca japonesa de automóveis a se instalar em solo estadunidense e o histórico acordo Toyota-GM; O “Toyotismo” substitui o “Fordismo” como paradigma a ser seguido pela indústria;
A crise da Chrysler e seu renascimento pelas mãos de Lee Iacocca, da plataforma “K” e das minivans;
Renault Espace e Chrysler Caravan, protagonistas de uma nova era e do surgimento de uma nova categoria, a das minivans;
O sonho mal sucedido de John Zacary De Lorean e o processo de produção empregado no DMC 12;
O Yugo e sua tentativa de se impor no mercado estadunidense;
Fiat Panda e Fiat Uno, exemplos históricos da competência da Italdesign e seus protagonistas, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani;
A breve incursão da Lamborghini no mercado dos utilitários;
A Fiat brasileira exporta para a matriz;
Audi Quattro, Porsche 959, Ferrari F-40, VW Bus T3, BMW E-30, E-34 e E-31, Jeep Cherokee: Marcos da indústria automobilística;
O Pontiac Fiero e seu exótico processo de produção;
O Ford Taurus e sua histórica liderança do mercado estadunidense de sedans, frente à Honda e Toyota;
Brasil: O maior produtor mundial de veículos fora-de-série; A era da fibra-de-vidro;
Carros mundiais no Brasil: Escort e Monza mudam os paradigmas em sua categoria;
O Gol da Volkswagen estréia com a missão de substituir o Fusca;
A Gurgel lança o BR-800, primeiro veículo inteiramente brasileiro produzido em série;

Anos de 1990
Computação gráfica e realidade virtual mostram o caminho dos novos projetos de automóveis;
Os telefones celulares e a internet revolucionam as comunicações e a era da informação se consolida;
Os utilitários esportivos e os esportes radicais indicam mudanças de comportamento nos consumidores;
Honda/Acura NSX e a primeira carroceria construída inteiramente em alumínio;
A Chrysler surpreende o mundo com os lançamentos ousados do Dodge Viper e Plymouth Prowler;
A Ford indica novos caminhos para o design, com seu New Edge Design;
A Renault inova com seu monovolume urbano Twingo e apresenta sua própria minivan, a Scénic, que também passa a ser produzida no Brasil;
O polemico design do americano Chris Bangle é apresentado ao mundo através do Fiat Coupé;
Walter de Silva dá nova vida à marca Alfa-Romeo com o modelo 156;
A Mercedes-Benz apresenta seu SLK, conversível de capota rígida, após a Honda lançar o DelSol, onde um robô recolhe o teto em alumínio e o guarda no porta-malas;
Em uma inusitada associação entre um fabricante de relógios de pulso e uma montadora, nasce o SMART, apontando os caminhos para os carros urbanos do futuro;
A onda “retrô” toma conta da indústria automobilística a partir do Volkswagen New Beetle;
O melancólico fim da Gurgel mata a esperança de uma marca genuinamente brasileira;
No Brasil são reabertas as importações no início da década, levando a uma total revolução na indústria local a partir do final dos anos 1990, quando começam a chegar os chamados New Commers, tais como Honda, Toyota e Renault.

 

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Palestra: A Placa preta & suas novas regras

Palestra: A Placa preta & suas novas regras

Data: 27/08/2015 das 19:30 as 22:00
Pré Requisito: Paixão por veículos antigos

 

Palestrantes
Roberto Suga: Presidente da Federação Brasileira de Veículos Antigos
Fábio Pagotto: Diretor Técnico do Clube do Carro Antigo do Brasil

palestra-placa-preta

Inscrição Gratuita: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=50

 

Ingresso
1 Kg de Alimento não perecível e/ou
Livro, Manual (serviço/peças/proprietário) Físico ou Digital relacionado a veículos antigos.

Observações
O número de vagas é limitado ao número de inscrições antecipadas;
Sobre os Ingressos: Os Alimentos Recebidos serão doados para entidade indicada pela FBVA e os Documentos Relacionados a Veículos Antigos serão incluídos no Acervo de Nosso Centro de Memória que serão disponibilizados para Alunos de Nossa Escola de Restauração de Veículos Antigos, Restauradores e Antigomobilistas Interessados em Pesquisa para Restauração.

Objetivo
Prover aos participantes informações sobre as atividades e projetos da FBVA, as regras da Placa Preta e as alterações apresentadas na Carta de São Paulo de 2014, publicada em Março de 2015.

Perfil do Participante
Estudantes, profissionais despachantes, colecionadores, aficionados e interessados em se aprofundarem nos assuntos que envolvem a Federação Brasileira de Veículos Antigos.

Programação/Assuntos Envolvidos
A Importância da Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA);
As Atividades e Projetos da Nova Administração da FBVA;
Regras sobre a Vistoria de Placa Preta;
O que Muda na Vistoria de Placa Preta com as Alterações da Nova Carta de São Paulo (2014);
Esclarecimentos sobre Placas Pretas Irregulares;
Esclarecimentos sobre a Nova Placa do Mercosul;
Esclarecimentos sobre os Assuntos Apresentados.

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Funilaria de Veículos Antigos II – Moldagem de Peças

Funilaria de Veículos Antigos II – Moldagem de Peças

Início: 04/08/2015
Término: 01/12/2015
Carga Horária: 105 horas em 35 aulas
Turma: Terças e Quintas-Feiras das 19:00 as 22:15

Pré Requisito: Introdução + Funilaria I

accasc-curso-funilaria-de-veiculos-antigos-II-ter-qui

Funilaria RVA – Módulo 2 – Noites

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 239,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 279,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

Inscrições: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=30

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação nos Cursos de Restauração de Veículos Antigos: Modalidade de Introdução (122h) e Modalidade de Funilaria Módulo 01 (72h) oferecidos pelo Clube do Carro Antigo do Brasil.

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria.

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliar seus conhecimentos em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria.

Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Funilaria – Módulo 02

Fundamentos Básicos de Recuperação de Carrocerias em Veículos Antigos.

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Funilaria de Veículos Antigos I

Curso de Funilaria de Veículos Antigos I

Início: 03/08/2015
Término: 04/11/2015
Carga Horária: 72 horas em 24 aulas
Turma: Segundas e Quartas das 19:00 as 22:00 h

Pré Requisito: Introdução

 

Funilaria RVA – Módulo 1 – Noites

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 187,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 187,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

accasc-curso-funilaria-de-veiculos-antigos-I-seg-e-qua

Pré-inscrição: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=45

 

Para participar desse módulo é necessário ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos.

 

1) Sou Aluno e Quero Participar de Funilaria Módulo I
Caso já tenha participado do Módulo de Introdução solicite matrícula através do e-mail contato@clubedocarroantigo.org.br, informando seu nome completo.

2) Não Sou Aluno e Quero Participar do Módulo de Introdução
Caso ainda não tenha participado do Módulo de Introdução faça sua inscrição clicando nos links abaixo:

Curso de Introdução à Restauração de Veículos Antigos

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (122h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliar seus conhecimentos em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Funilaria – Módulo 01

Processos de Soldagem de Carrocerias na Restauração de Veículos Antigos;
Preparação de Peças para Soldagem.

 

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Mecânica II – Chassi, Supensão e Direção – Noites

Mecânica II – Chassi, Supensão e Direção – Noites

Início: 04/08/2015
Término: 03/12/2015
Carga Horária: 108 horas em 36 aulas
Turma: Terças e Quintas-Feiras das 19:00 as 22:15

Pré Requisito: Introdução

Para participar desse módulo é necessário ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos.

1) Sou Aluno e Quero Participar do Módulo II A- Chassi, Supensão e Direção
Caso já tenha participado do Módulo de Introdução solicite matrícula através do e-mail contato@clubedocarroantigo.org.br, informando seu nome completo.

2) Não Sou Aluno e Quero Participar do Módulo de Introdução
Caso ainda não tenha participado do Módulo de Introdução faça sua inscrição clicando nos links abaixo:

– Curso de Introdução à Restauração de Veículos Antigos

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (120h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos – Modalidade Mecânica II;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliarem seu conhecimento em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Mecânica;

Programa
Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Mecânica II:
O Sistema de Freio:
– Estudo dos elementos que compõem o sistema de freio;
– Análise do funcionamento do sistema de freio;
– Apresentação dos tipos de sistema de freio;
– Análise do freio de estacionamento;
Diagnóstico das falhas do sistema de freio;
O Conjunto de Suspensão:
– Estudo do conjunto que forma a suspensão;
– Análise do funcionamento dos diversos tipos de conjunto de suspensão;
– Diagnóstico de falhas do conjunto de suspensão;
– Estudo dos diversos tipos de carrocerias;
Sistema de Direção:
– Estudo dos elementos que compõem o sistema de direção;
– Análise do funcionamento do sistema de direção;
– Apresentação dos diversos sistemas de direção;
– Estudo do alinhamento de direção;
Rodas e Pneus;
– Estudo dos diversos tipos de rodas;
– Análise da construção dos diversos tipos de rodas;
– Estudo dos diversos tipos de pneus;
– Análise da construção dos tipos de pneus;
– Análise do balanceamento de rodas;
Noções de preservação do meio ambiente.

 

Inscriçãowww.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=28

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Elétrica de Veículos Antigos I

Curso de Elétrica de Veículos Antigos I

Início: 04/08/2015
Término: 01/10/2015
Carga Horária: 51 horas em 17 aulas
Turma: Noites -Terças e Quintas

Pré Requisito: Introdução

Elétrica na Restauração de Veículos Antigos I – Noites

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 159,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 159,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Inscrições: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=37

 

Para participar desse módulo é necessário ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos.

 

1) Sou Aluno e Quero Participar do Módulo I – Sistema de Partida
Caso já tenha participado do Módulo de Introdução solicite matrícula através do e-mail contato@clubedocarroantigo.org.br, informando seu nome completo.

2) Não Sou Aluno e Quero Participar do Módulo de Introdução
Caso ainda não tenha participado do Módulo de Introdução faça sua inscrição clicando nos links abaixo:

Curso de Introdução à Restauração de Veículos Antigos

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (122h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos – Modalidade Elétrica;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliarem seu conhecimento em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Elétrica;

Programa

Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Elétrica:

Introdução teórica de eletricidade básica;

Estudo dos diversos tipos de instalação elétrica automotiva;

Estudo do sistema de carga:
– Análise do dínamo e dos elementos que compõem a sua instalação;
– Análise do alternador e dos elementos que compõem a sua instalação;
– Estudo do funcionamento de um magneto;
– O princípio do funcionamento da bateria;
– Diagnóstico de falhas no sistema de carga.

 

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Funilaria de Veículos Antigos I – Soldagem

Curso de Funilaria de Veículos Antigos I – Soldagem

Início: 01/08/2015
Término: 31/10/2015
Carga Horária: 72 horas em 12 aulas
Turma: Sábados das 9:00 as 16:15 h

Pré Requisito: Introdução

Funilaria RVA – Módulo 1 – Sábados
Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 198,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 189,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Inscriçãowww.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=48

 

Para participar desse módulo é necessário ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos.


1) Sou Aluno e Quero Participar de Funilaria Módulo I
Caso já tenha participado do Módulo de Introdução solicite matrícula através do e-mail contato@clubedocarroantigo.org.br, informando seu nome completo.

2) Não Sou Aluno e Quero Participar do Módulo de Introdução
Caso ainda não tenha participado do Módulo de Introdução faça sua inscrição clicando nos links abaixo:

– Curso de Introdução à Restauração de Veículos Antigos – Noites ou sábados

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (122h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliar seus conhecimentos em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Funilaria – Módulo 01

Processos de Soldagem de Carrocerias na Restauração de Veículos Antigos;
Preparação de Peças para Soldagem.

 

Inscrição: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=48

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Mecânica de Veículos Antigos II A

Mecânica de Veículos Antigos II A

Início: 01/08/2015
Término: 05/12/2015
Carga Horária: 108 horas em 18 aulas
Turma: Sábados das 9:00 as 16:15

Pré Requisito: Introdução

 

Mecânica II – Chassi, Supensão e Direção – Sábados

Para participar desse módulo é necessário ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos.

 

1) Sou Aluno e Quero Participar do Módulo II A – Chassi, Supensão e Direção
Caso já tenha participado do Módulo de Introdução solicite matrícula através do e-mail contato@clubedocarroantigo.org.br, informando seu nome completo.

2) Não Sou Aluno e Quero Participar do Módulo de Introdução
Caso ainda não tenha participado do Módulo de Introdução faça sua inscrição clicando nos links abaixo:

– Curso de Introdução à Restauração de Veículos Antigos – Noites ou sábados

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (120h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos – Modalidade Mecânica II;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliarem seu conhecimento em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Mecânica;

Programa
Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Mecânica II:
O Sistema de Freio:
– Estudo dos elementos que compõem o sistema de freio;
– Análise do funcionamento do sistema de freio;
Apresentação dos tipos de sistema de freio;
– Análise do freio de estacionamento;
– Diagnóstico das falhas do sistema de freio;
O Conjunto de Suspensão:
– Estudo do conjunto que forma a suspensão;
– Análise do funcionamento dos diversos tipos de conjunto de suspensão;
– Diagnóstico de falhas do conjunto de suspensão;
– Estudo dos diversos tipos de carrocerias;
Sistema de Direção:
– Estudo dos elementos que compõem o sistema de direção;
– Análise do funcionamento do sistema de direção;
– Apresentação dos diversos sistemas de direção;
– Estudo do alinhamento de direção;
Rodas e Pneus;
– Estudo dos diversos tipos de rodas;
– Análise da construção dos diversos tipos de rodas;
– Estudo dos diversos tipos de pneus;
– Análise da construção dos tipos de pneus;
– Análise do balanceamento de rodas;
Noções de preservação do meio ambiente.

 

Inscriçãowww.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=32

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos

Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos

Início: 01/08/2015
Término: 19/12/2015
Carga Horária: 120 horas em 20 aulas
Turma: Sábados das 9:00 as 16:15

Pré Requisito: Paixão por veículos antigos

Introdução a Restauração de Veículos Antigos – Sábados

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 198,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 198,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Inscrições: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=42

 

Objetivo
Prover aos participantes informações para a construção do conhecimento necessário para o aproveitamento adequado, nos Cursos de Capacitação Profissional, em Restauração de Veículos Antigos, nas modalidades: Mecânica, Funilaria, Pintura, Elétrica, Tapeçaria e Marcenaria;

Perfil do Participante
Jovens e adultos, estudantes, profissionais, colecionadores e/ou aficionados, que residem em cidades, estados ou regiões distantes cujo deslocamento diário se tornaria inviável, interessados em participarem dos cursos profissionalizantes nas 06 modalidades de Restauração de Veículos;

Material Didático
Introdução a Restauração de Veículos Antigos:
Apostila Ilustrada e Encadernada
O Automóvel e sua História:
Apostila Ilustrada e Encadernada

Programa
Apresentação das Especialidades da Restauração de Veículos Antigos:
A Funilaria da Carroceria:
– Apresentação das noções básicas do processo de recuperação da carroceria automotiva;
– Apresentação do ferramental necessário para a recuperação de carrocerias;
– Estudo dos principais tipos de carrocerias existentes;
– O processo de tratamento das chapas contra a corrosão;
– Noção de ajustagem de carrocerias;
A Preparação e Pintura da Carroceria:
– Apresentação das noções básicas do processo de preparação e pintura de carroceria; automotiva;
– Apresentação de ferramental necessário para a preparação e pintura da carroceria;
– Apresentação dos materiais utilizados na preparação e pintura de carrocerias;
– Noções de montagem da carroceria;
A Mecânica Automotiva:
– Apresentação do motor de combustão interna e os elementos que o compõem;
– Princípios de funcionamento do motor de combustão interna;
– Motores: Ciclo Otto; Ciclo diesel; Dois Tempos entre outros;
A Caixa de Câmbio:
– Apresentação da caixa de câmbio manual com seus elementos;
– Princípio de funcionamento da caixa de câmbio manual;
– Apresentação do câmbio automático;
– Apresentação de outros tipos de Câmbio;O Conjunto de Embreagem:
– Apresentação de seus elementos;
– Princípio de funcionamento;
O Conjunto de Diferencial:
– Apresentação dos elementos do diferencial;
– O princípio de funcionamento do diferencial;
– Os tipos de diferencial;
– O eixo cardan;
– O eixo de transmissão para as rodas;
O Sistema de Freios:
– Apresentação dos elementos que compõem o freio;
– Os princípios de funcionamento do sistema;
– Os tipos de sistema de freios;
O Conjunto de Suspensão:
– Apresentação dos tipos de suspensão;
– Funcionamento dos sistemas de suspensão;
O Sistema de Direção:
– Apresentação dos elementos que compõem um sistema de direção;
– O princípio de funcionamento do sistema de direção;
– Os tipos de sistema de direção;
Rodas e Pneus:
– Apresentação dos diversos tipos de rodas e pneus que já foram utilizados, mostrando sua evolução com o passar do tempo;
A Eletricidade Automotiva:
– Noções de eletricidade básica;
– Apresentação do sistema de carga e partida;
Apresentação do sistema de iluminação e sinalização;
Estudo dos Tipos de Carrocerias:
– Apresentação dos diversos tipos de carrocerias;
A Marcenaria de Veículos:
– Estudo dos tipos de estrutura em madeira;
– Tipo de madeiras aplicadas para cada estrutura;
– Apresentação do ferramental utilizado na marcenaria;
A Tapeçaria Automotiva:
– Estudo das diversas tendências de acordo com a época;
– Estudo dos materiais aplicados em tapeçarias;
– Apresentação das técnicas de fabricação;
– Apresentação do ferramental utilizado em uma tapeçaria.

História do Automóvel e Sua Evolução:
Anos de 1900
O automóvel do início do século XX ainda herda uma forte influência do período das carruagens; Amostra das configurações de carrocerias utilizadas no período;
O movimento Art Noveau ditas as regras estéticas, inclusive nos automóveis;
O momento é de experimentação no mundo automotivo, quando inventores independentes apresentam alguns dos mais exóticos veículos da história;
O processo de produção artesanal e semi-artesanal e o costume de se encomendar carrocerias especiais para construtores independentes;
Carros movidos a vapor e a eletricidade dividem as ruas com os movidos por motores de combustão interna; Ainda não se sabe qual das tecnologias será a dominante;
Nasce o Mercedes Simplex, que se estabelece como importante referência a ser copiada pelos concorrentes;
Henry Ford apresenta seu Modelo T;

Anos de 1910
A “Brass Era” (Era do Latão) prossegue até aproximadamente 1914;
As carrocerias são construídas a partir de uma estrutura de madeira revestida geralmente em aço ou alumínio e exigem mão de obra altamente especializada;
Surgem os Cyclecars;
Henry Ford implanta a linha de montagem móvel, que tem como uma de suas características a redução do uso de mão de obra especializada e a redução de custos de produção; Para inaugurar o sistema ele escolhe o seu Modelo T, que ajuda a colocar a América e o mundo sobre rodas;
Eclode a Primeira guerra Mundial; O papel do automóvel no conflito;
O automóvel começa a virar uma febre e inspira até mesmo manifestações artísticas;
Após o conflito, o automóvel caminha para um período de consolidação de sua indústria e começa a adquirir uma linguagem própria, cada vez mais distanciada das carruagens que os inspiraram;

Anos de 1920
A grande prosperidade econômica estadunidense nos anos 20 e o extremismo político em países europeus;
O ápice da produção do Ford Modelo T e sua substituição pelo Modelo A;
Os reflexos do início da massificação do automóvel para a sociedade;
Os avanços tecnológicos, o início da “Era do Rádio” e sua influência na sociedade;
Charleston, Flappers e a Era do Jazz;
A “Lei Sêca”nos EUA e a proliferação do crime organizado;
A produção de modelos populares como o Austin Seven e Peugeot Quadrilette;
O uso da madeira como elemento estrutural das carrocerias começa a dar lugar a carrocerias totalmente metálicas;
O surgimento da tinta DUCO encurta o tempo de secagem na linha de produção;
Henry Ford e Alfred P; Sloan: diferentes visões na produção e venda de automóveis;
Paul Jaray fundamenta as bases da aerodinâmica aplicada aos automóveis;
A quebra da Bolsa de Valores de Nova Iorque em outubro de 1929 muda a face da economia dos EUA e do mundo;

Anos de 1930
A Grande Depressão dos anos 1930 e a falência de inúmeros pequenos fabricantes de automóveis de luxo;
A influência do movimento artístico Art Deco no design dos automóveis e o surgimento do estilo Streamline Design, que “aerodinamiza” os automóveis, tornando-os mais atraentes e estimulando a economia de consumo;
Nos EUA, o Chrysler Airflow e o Lincoln Zephyr mostram o caminho para carros de série mais aerodinâmicos;
Na França, a Citroën apresenta o Traction Avant, o primeiro carro com carroceria autoportante produzido em série na história;
O surgimento do KDF Wagen em 1938, na Alemanha nazista;
A Fisher Body Co; apresenta o “Turret Top”, permitindo pela primeira vez o uso do teto totalmente em aço nos carros de produção;
Encarroçadores independentes como Figoni & Falaschi e Bohlman & Schwartz desenvolvem algumas das carrocerias mais exóticas de todos os tempos;
Nascem os fabricantes japoneses Toyota e Datsun;
Começa a Segunda Guerra Mundial na Europa;

Anos de 1940
A 2ª Guerra Mundial e o redirecionamento da indústria automobilística para o esforço de guerra na primeira metade da década;
O racionamento de petróleo e matérias primas imposto pela guerra;
O nascimento do Jipe, resultado do esforço de guerra;
O automóvel americano na segunda metade dos anos 1940: Cada vez maior e mais confortável;
O automóvel na Europa: Carros pequenos e econômicos;
Nasce o tail-fin, conhecido no Brasil como “rabo-de-peixe”;
O Ford Customline salva a marca da falência nos EUA;
Nascem as marcas Ferrari, Porsche, SAAB e Land Rover;
A Jaguar lança um de seus maiores clássicos, o XK 120;
Tucker Torpedo: Seus avanços e seu desaparecimento prematuro;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias;

Anos de 1950
O boom econômico estadunidense se reflete na opulência e extravagância de seus carros, frutos de uma era de otimismo, muito dinheiro e sonhos com o futuro;
A ascensão da cultura popular americana;
Os Tail-fins (Rabos-de-peixe) de Harley Earl e Virgyll Exner;
As Dagmars (garras de pára-choque ogivais);
O Rock-and-Roll nasce inspirado nos automóveis;
A recuperação econômica da Europa no pós guerra, com a construção de carros pequenos e econômicos, acentuando a diferença entre os conceitos norte-americano e europeu de como deve ser um automóvel;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;
Hollywood promove e influencia a indústria automobilística americana;
A popularização do câmbio automático nos EUA;
A General Motors introduz o primeiro carro de série produzido em fibra-de-vidro, o Corvette;
A Citroën revoluciona o mundo automotivo lançando seu inusitado DS 19;
A Fiat apresenta seu ultra compacto 500;
A BMC apresenta seu revolucionário Mini, o primeiro a adotar o motor transversal dianteiro;

Anos de 1960
A Guerra do Vietnam, a cultura pop, a contra-cultura, a música, a economia, a política e sua influência no mundo do automóvel;
O fim dos tail-fins (rabos-de-peixe) e início do uso de linhas retas nas carrocerias;
O primeiro contra-ataque da indústria automobilística estadunidense como resposta ao início da invasão das marcas japonesas e européias;
A polemica gerada por Ralph Nader, o Chevrolet Corvair e o início dos direitos do consumidor;
O surgimento do Ford Mustang e sua forte influência na indústria automobilística;
Pony-cars e Muscle-cars, marcos americanos no setor dos esportivos;
Os carros esporte italianos e o surgimento da Lamborghini;
A Porsche apresenta o 911 e a Jaguar o Tipo E;
NSU, um carro com mecânica revolucionária e com um design à frente de seu tempo;
Renault 16 e o início da bem sucedida trajetória dos hatchbacks;
A Honda entra no ramo dos automóveis;
O primeiro “boom” da indústria automobilística brasileira;
O regime militar no Brasil e sua influência na indústria automobilística;
A trajetória da Willys-Overland, Vemag e Simca, os modelos desenhados para o Brasil e sua absorção pelas marcas Ford, Volkswagen e Chrysler;
A General Motors investe em seu primeiro automóvel fabricado no Brasil, o Opala;

Anos de 1970
As crises do petróleo e seu forte impacto na indústria automobilística norte-americana e mundial;
Os modelos AMC Gremlin, Chevrolet Vega e Ford Pinto marcam o início de uma nova ofensiva dos EUA contra a invasão dos modelos japoneses e europeus;
A era do downsizing nos modelos americanos;
A corrida espacial entre EUA e URSS coloca na superfície da Lua os jipes lunares;
A chegada do Chevette e o início da ampliação da linha de modelos Chevrolet fabricados no Brasil;
A italiana Fiat chega ao Brasil com um modelo derivado do 127;
Golf, Passat e Scirocco, a marca da Italdesign, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani na Volkswagen faz escola;
A Volkswagen do Brasil lança modelos como o Brasília e o SP2, marcos da capacidade nacional no desenvolvimento próprio de novos modelos;
A década vê a ascensão e queda da Chrysler do Brasil e seus modelos V8 baseados na linha Dart americana;;
Os Alfa-Romeo brasileiros, únicos da marca do Cuore Sportivo fabricados fora da Itália, sofrem no período sua maior evolução;
A evolução nos processos de produção e no design das carrocerias no período;

Anos de 1980
Os avanços tecnológicos do período (Air-bags, Cd-players, ônibus espaciais, computadores pessoais, etc);
A política, a economia e suas influências no Brasil e no mundo (As diretas já, a hiperinflação, a queda do muro de Berlin, o massacre da Praça de Tien an men);
O Trabant como símbolo do atraso e da falência de um regime;
A primeira marca japonesa de automóveis a se instalar em solo estadunidense e o histórico acordo Toyota-GM; O “Toyotismo” substitui o “Fordismo” como paradigma a ser seguido pela indústria;
A crise da Chrysler e seu renascimento pelas mãos de Lee Iacocca, da plataforma “K” e das minivans;
Renault Espace e Chrysler Caravan, protagonistas de uma nova era e do surgimento de uma nova categoria, a das minivans;
O sonho mal sucedido de John Zacary De Lorean e o processo de produção empregado no DMC 12;
O Yugo e sua tentativa de se impor no mercado estadunidense;
Fiat Panda e Fiat Uno, exemplos históricos da competência da Italdesign e seus protagonistas, Giorgetto Giugiaro e Aldo Mantovani;
A breve incursão da Lamborghini no mercado dos utilitários;
A Fiat brasileira exporta para a matriz;
Audi Quattro, Porsche 959, Ferrari F-40, VW Bus T3, BMW E-30, E-34 e E-31, Jeep Cherokee: Marcos da indústria automobilística;
O Pontiac Fiero e seu exótico processo de produção;
O Ford Taurus e sua histórica liderança do mercado estadunidense de sedans, frente à Honda e Toyota;
Brasil: O maior produtor mundial de veículos fora-de-série; A era da fibra-de-vidro;
Carros mundiais no Brasil: Escort e Monza mudam os paradigmas em sua categoria;
O Gol da Volkswagen estréia com a missão de substituir o Fusca;
A Gurgel lança o BR-800, primeiro veículo inteiramente brasileiro produzido em série;

Anos de 1990
Computação gráfica e realidade virtual mostram o caminho dos novos projetos de automóveis;
Os telefones celulares e a internet revolucionam as comunicações e a era da informação se consolida;
Os utilitários esportivos e os esportes radicais indicam mudanças de comportamento nos consumidores;
Honda/Acura NSX e a primeira carroceria construída inteiramente em alumínio;
A Chrysler surpreende o mundo com os lançamentos ousados do Dodge Viper e Plymouth Prowler;
A Ford indica novos caminhos para o design, com seu New Edge Design;
A Renault inova com seu monovolume urbano Twingo e apresenta sua própria minivan, a Scénic, que também passa a ser produzida no Brasil;
O polemico design do americano Chris Bangle é apresentado ao mundo através do Fiat Coupé;
Walter de Silva dá nova vida à marca Alfa-Romeo com o modelo 156;
A Mercedes-Benz apresenta seu SLK, conversível de capota rígida, após a Honda lançar o DelSol, onde um robô recolhe o teto em alumínio e o guarda no porta-malas;
Em uma inusitada associação entre um fabricante de relógios de pulso e uma montadora, nasce o SMART, apontando os caminhos para os carros urbanos do futuro;
A onda “retrô” toma conta da indústria automobilística a partir do Volkswagen New Beetle;
O melancólico fim da Gurgel mata a esperança de uma marca genuinamente brasileira;
No Brasil são reabertas as importações no início da década, levando a uma total revolução na indústria local a partir do final dos anos 1990, quando começam a chegar os chamados New Commers, tais como Honda, Toyota e Renault.

 

Inscrições: www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=42

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Funilaria de Veículos Antigos II – Moldagem de Peças

Funilaria de Veículos Antigos II – Moldagem de Peças

Início: 01/08/2015
Término: 28/11/2015
Carga Horária: 102 horas em 17 aulas
Turma: Sábados das 9:00 as 16:15

Pré Requisito: Introdução + Funilaria I

Funilaria RVA – Módulo 2 – Sábados

Valores e Formas de Pagamento:

Matrícula:
R$ 249,00 em uma única parcela através do PagSeguro;

Curso:
Matrícula + 10 parcelas iguais e consecutivas de R$ 289,00 (Pelo cartão de crédito). ;

Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 10 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)

Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Inscrições: http://www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=21

 

Pré Requisito
Ter cursado e recebido aprovação nos Cursos de Restauração de Veículos Antigos: Modalidade de Introdução (122h) e Modalidade de Funilaria Módulo 01 (72h) oferecidos pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para iniciação na Profissão de Restaurador de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliar seus conhecimentos em Restauração de Veículos Antigos na Modalidade Funilaria;

Capacitação Técnica na Restauração de Veículos Antigos Modalidade Funilaria – Módulo 02

Fundamentos Básicos de Recuperação de Carrocerias em Veículos Antigos.

 

Inscrições: http://www.accasc.com.br/form_geral.asp?idcurso=21

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Carburadores  Mecânica de Veículos Antigos I – Módulo A

Curso de Carburadores Mecânica de Veículos Antigos I – Módulo A

Início: 25/07/2015
Término: 07/09/2015
Carga Horária: 30 horas em 6 aulas
Turma: 4 Sábados das 9h as 13h
2 Sábados das 9h as 17h

Pré-Requisito: Conhecimento básico de motores à combustão

Motores – Módulo A: Carburadores – Sábados

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 240,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 5 parcelas iguais e consecutivas de R$ 189,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 5 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

 

Inscriçõeswww.r3motors.com.br/ccar3_link_externo_classificados_login_anunciar.asp?cod_cli=33

 

Para participar desse módulo é necessário ter noções básicas de funcionamento de motores a combustão (não é necessário ter cursado o Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos).

 

accasc-curso-regular-mecanica-i-carburadores-sabados2

 

Obs: Alunos participantes do curso de introdução tem 50% de desconto na matrícula. Solicite o desconto através do telefone 11 5011 9111

Pré Requisito
Aberto aos interessados que tenham noções básicas de funcionamento de motores (Não é necessário ter Cursado o Curso de Introdução) OU Alunos que tenham cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (120h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para desmontagem, limpeza e montagem de carburadores e regulagem de motores;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliarem seu conhecimento em manutenção de carburadores;

Programa
Mecânica I – Motores
Módulo A: Carburadores:
– Apresentação do Ferramental utilizado em aula
– Estudo do sistema de alimentação;
– Estudo dos Carburadores de Corpo Simples;
– Estudo dos Carburadores de Corpo Duplo;
– Apresentação de Alguns Carburadores Especiais;
– Desmontagem,Limpeza e Montagem de Carburador;
– Regulagem de Motor;
Noções de preservação do meio ambiente.

 

Inscriçõeswww.r3motors.com.br/ccar3_link_externo_classificados_login_anunciar.asp?cod_cli=33

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Curso de Carburadores  Mecânica de Veículos Antigos I – Módulo A

Curso de Carburadores Mecânica de Veículos Antigos I – Módulo A

Início: 20/07/2015
Término: 23/09/2015
Carga Horária: 30 horas
Turma: Segundas e Quartas das 19:00 as 22:15 h

Pré Requisito: Conhecimento básico de motores à combustão

Motores – Módulo A: Carburadores – Noites

Valores e Formas de Pagamento:
Matrícula:
R$ 240,00 em uma única parcela através do PagSeguro;
Curso:
Matrícula + 5 parcelas iguais e consecutivas de R$ 189,00 (Pelo cartão de crédito). ;
Forma de Pagamento:
No Cartão de Crédito em até 5 Vezes (Pela Internet através do Pag Seguro) ou A VISTA no Boleto Bancário ou Débito Bancário (Pela Internet através do Pag Seguro)
Observações:
O número de parcelas pode variar de acordo com a Bandeira do Cartão de Crédito, e as taxas praticadas pelo PagSeguro UOL (Que devem ser observadas antes do ato do pagamento). Importante: Não está disponível o parcelamento através de Boleto Bancário.

Inscriçõeshttp://www.r3motors.com.br/ccar3_link_externo_classificados_login_anunciar.asp?cod_cli=33

Para participar desse módulo é necessário ter noções básicas de funcionamento de motores a combustão (não é necessário ter cursado o Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos).

accasc-curso-regular-restauracao-de-veiculos-antigos

 

Obs: Alunos participantes do curso de introdução tem 50% de desconto na matrícula. Solicite o desconto através do telefone 11 5011 9111

Pré Requisito
Aberto aos interessados que tenham conhecimentos básicos do funcionamento de motores à combustão (Não é necessário ter Cursado o Curso de Introdução) OU Alunos que tenham cursado e recebido aprovação no Curso de Introdução a Restauração de Veículos Antigos (120h) oferecido pelo Clube do Carro Antigo do Brasil;

Objetivo
Prover aos participantes informações teóricas e práticas básicas para desmontagem, limpeza e montagem de carburadores e regulagem de motores;

Perfil do Participante
Jovens e adultos: estudantes e profissionais interessados em se iniciarem na profissão ou colecionadores e aficionados com o objetivo de ampliarem seu conhecimento em manutenção de carburadores;

Programa
Mecânica I – Motores
Módulo A: Carburadores:
– Apresentação do Ferramental utilizado em aula
– Estudo do sistema de alimentação;
– Estudo dos Carburadores de Corpo Simples;
– Estudo dos Carburadores de Corpo Duplo;
– Apresentação de Alguns Carburadores Especiais;
– Desmontagem,Limpeza e Montagem de Carburador;
– Regulagem de Motor;
Noções de preservação do meio ambiente.

 

Inscriçõeshttp://www.r3motors.com.br/ccar3_link_externo_classificados_login_anunciar.asp?cod_cli=33

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

TÉCNICO EM MANUTENÇÃO AUTOMOTIVA

TÉCNICO EM MANUTENÇÃO AUTOMOTIVA

FIESC-SENAI

Área: Automação

Nível: Curso Técnico

Carga Horária: 1600 h (Módulo único)

Período de Inscrição: 25/05/2015 a 24/07/2015

Período de Turma: 27/07/2015 a 14/07/2015

Público-alvo

Os Cursos Técnicos são destinados a todos que estão cursando o 2º ano ou já completaram o Ensino Médio e que desejam aprender uma profissão, entrar no mercado de trabalho ou buscar uma melhor colocação na empresa em que trabalha.

Objetivos

Coordenar processos de manutenção, manter e inspecionar sistemas automotivos, planejando seu trabalho, seguindo normas e procedimentos técnicos, de qualidade, de produtividade, de preservação ambiental e de saúde e segurança no trabalho

  1. a) O curso Técnico em Manutenção Automotiva tem por objetivo atender os princípios norteadores enunciados pelas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Técnico e pelo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos do Ministério da Educação, a saber:

Independência e articulação com o Ensino Médio; Respeito aos valores estéticos, políticos e éticos;  Desenvolvimento de competências para a laboralidade; Flexibilidade, interdisciplinaridade e contextualização; Identidade dos perfis profissionais de conclusão de curso; Atualização permanente dos cursos e currículos; Autonomia da escola em seu projeto pedagógico.

  1. b) Fornecer ao aluno condições para o desenvolvimento de competências profissionais e pessoais, necessárias ao desenvolvimento de atividades ou funções típicas, segundo os padrões de qualidade e produtividade requeridos pela natureza do trabalho do Técnico em  Manutenção Automotiva.
  2. c) Desenvolver, através dessa habilitação e  das qualificações profissionais intermediárias, que compõem o itinerário profissional, competências que favoreçam a laboralidade do profissional egresso desse curso.
  3. d) Contribuir serviços de Manutenção Automotiva.
  4. e) Fornecer aos estudantes o conhecimento teórico e prático das diversas atividades da área de Manutenção Automotiva, permitindo que o futuro profissional descubra o seu verdadeiro potencial e inicie um processo para o desenvolvimento técnico, econômico e social das empresas que utilizam de desenvolvimento de suas potencialidades da busca da sua realização profissional.

Pré-Requisitos

Para acesso ao Curso Técnico em Manutenção Automotiva o candidato deverá atender os seguintes requisitos: a) Escolaridade mínima: Candidatos matriculados no 2º ano do Ensino Médio ou de Estudos Equivalentes, ou ter concluído o Ensino Médio. b) Documentos para matrícula: No ato da matrícula o candidato ou seu responsável legal deverá apresentar a via original e uma cópia dos seguintes documentos: – Comprovante de matrícula no 2º ano ou certificado de conclusão do Ensino Médio, ou de estudos equivalentes; – Cédula de Identidade (RG); – CPF; – Comprovante de residência; – RG e CPF do responsável legal e financeiro, caso o candidato seja menor de idade.
Oferecido em: BLUMENAU, CAPIVARI DE BAIXO, JOINVILLE, PALHOÇA, SCHROEDER.
Conteúdo programático:
http://www2.sc.senai.br/siteinstitucional/sobre/aluno/queroseraluno/q/cursostecnicos/pgcursoaberto/5/

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Mecânica Automotiva

Mecânica Automotiva

Com o Curso Mecânica Automotiva você vai aprender técnicas fundamentais para realizar perfeitamente manutenção nos mais diversos tipos de automóveis. Confira!

Certificado válido
Curso livre
Carga horária flexível
Inicio imediato
Pagamento único sem mensalidades
Baixo custo
Metodologia de autoaprendizagem
Acesso online ao material de estudo
Download do material de estudo
Avaliação final simples e dinâmica
Suporte ao aluno
Pague com Boleto, Cartão ou PayPal
Escola mantenedora da ABED
E mais…

 

mecanico-automotivo-15

 

Para mais informações acesse:

http://www.cursosvirtuais.net/curso/mecanica-automotiva.htm

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Gostaria de trabalhar com carros. Que cursos posso fazer?

Gostaria de trabalhar com carros. Que cursos posso fazer?

O trabalho na área mecânica oferece diferentes níveis de qualificação como o técnico em automecânica, tecnólogo em mecânica e o engenheiro mecânico. Considere que quanto maior for o nível do curso realizado, melhores são as perspectivas de remuneração (na média dos casos).

Quanto a formação em cursos técnicos, as colocações de maior remuneração e que oferecem maior perspectiva de crescimento ao longo do tempo estão nas concessionárias oficiais ligadas às montadoras. É possível realizar outros cursos de especialização como em injeção eletrônica, restauração de carros antigos, etc, de forma a ampliar suas chances de colocação; alguns especialistas conquistam bons salários.

s opções quanto a bacharelados são Engenharia Mecânica e Engenharia Automotiva. O curso de Engenharia Automotiva tem íntima relação com o de Engenharia Mecânica. Há inclusive pouquíssimos curso com a denominação automotiva. A princípio, o profissional desta área tem formação mais especializada, mas isso não restringe necessariamente sua possibilidades de inserção profissional.

A opção é buscar a formação em Engenharia Mecânica e ao longo da graduação realizar disciplinas optativas e envolver-se em projetos, pesquisas e estágios na área automotiva, bem como buscar cursos de especialização depois da graduação.

Ao pesquisar as profissões indicadas, procure informações sobre a grade curricular dos cursos, inclusive para identificar nas faculdades de seu interesse se o curso de engenharia mecânica tem maior ou menor ênfase nos elementos do campo automotivo.

O Designer de Produto também pode trabalhar com automóveis e motos, desenhando as “máquinas” seguindo princípios de funcionalidade, modernidade e estética.

 

Fonte: http://guiadoestudante.abril.com.br/home/ 

 
Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.

Senai EAD – Cursos Online

Senai EAD – Cursos Online

                                                                          images

Todos sabem o quanto é importante estar atualizado nos dias de hoje, não é mesmo? Sendo assim, para os profissionais que trabalham junto a áreas Industriais os cursos do Senai são os mais indicados, por se tratar de uma Instituição de Ensino Profissionalizante de qualidade e referência no Brasil.
Mas sabemos que nem todas as pessoas possuem tempo e disponibilidade de frequentar aulas presenciais todos os dias, sendo assim um bom caminho é optar pelos cursos online do Senai que são disponibilizados em diversas áreas.

Para encontrar os cursos disponibilizados pelo Senai EAD  basta acessar o site da Instituição através do endereço (www.senai.br/ead/cursos.asp) e fazer busca dos cursos desejados. Através desta página, disponível no site oficial do Senai você pode encontrar por diversas informações sobre os cursos, como: duração estimada, didática utilizada, forma em que os tutores ministrarão os cursos e entre outras informações, conforme podemos observar na imagem abaixo, retirada do site citado.

Cursos Senai EAD

Cursos online Senai EAD (Imagem: Reprodução/Senai)

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.