,!--BING Your SEO optimized title-->
Carros elétricos terão buzina diferencial para cada pedestre

Carros elétricos terão buzina diferencial para cada pedestre

O risco do silêncio

Existem tecnologias para abafar o ruído dos carros e da estrada em áreas urbanas, mas os veículos híbridos e elétricos trouxeram preocupações inversas.

Agora está sendo necessário desenvolver técnicas para gerar um ruído artificial nos carros elétricos para segurança dos pedestres, que podem ser pegos de surpresa por um veículo aproximando-se em silêncio quase total.

Engenheiros europeus demonstraram agora que já existem tecnologias que permitem chegar a um meio-termo: nem o excesso de barulho atual, e nem o “silêncio ameaçador” dos carros elétricos.

 

buzina para pedestre. imagem de Evader Project

 

Buzina direcional

A solução está em uma espécie de buzina direcional: o sistema de prevenção de acidentes identifica as pessoas à frente que possam assumir uma trajetória de risco e emite um som diretamente a elas – e somente a elas.

“O som é otimizado para ser claramente audível para os indivíduos visados, mas quase imperceptível para os outros usuários da via. Nós apenas alertamos as pessoas em perigo,” disse Juan García, coordenador do projeto eVader (Electric Vehicle Alert for Detection and Emergency Response).

 

buzina para pedestre. imagem de Evader Project. protótipo do veículo

 

 

O volume ótimo do som é determinado caso a caso, de acordo com o risco representado ao pedestre, com a velocidade do veículo e com o ruído ambiente, de forma a evitar acidentes sem gerar uma nova fonte de poluição sonora.

“Você não pode ter carros elétricos que são muito silenciosos e então colocar alto-falantes neles para fazer um bocado de barulho,” explica García. “Nós decidimos que a solução seria um sistema direcional, que é basicamente uma fonte acústica que irradia som preferencialmente na direção que você quer que o som viaje.”

Som direcional

O som direcional é produzido por um conjunto de seis alto-falantes instalados na frente do carro.

As ondas sonoras são emitidas de modo coordenado pelos diversos alto-falantes, de forma a seguir uma direção específica, reforçando-se naquela direção e anulando-se nas demais.

A tecnologia de som direcional já tem vários usos. Já existem, por exemplo, sistemas complexos de projeção de som e até uma espécie de laser de som.

 

Fonte: Inovação Tecnológica

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, Estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tem qualquer objecção à exibição de qualquer imagem e notícias, pode ser trazido ao nosso conhecimento através do envio de e-mail (contato) e o mesmo será ser removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser propriedade de outras empresas.