,!--BING Your SEO optimized title-->

Faróis de milha e farol de neblina, você sabe a diferença e quando utilizar?

A noite é comum ver muitos carros trafegando com todos os tipos de luzes acesas ao mesmo tempo, e isso, nas ruas das cidades, não nas estradas, apenas para deixar o visual do carro mais bonito e chamar a atenção, afinal, cada um tem uma utilidade específica, mas, então, faróis de milha e farol de neblina, quando utilizar?

Quando utilizar os faróis de neblina

Os faróis de neblina como o próprio nome diz, devem ser utilizados somente em locais onde há nevoeiro, pois, servem para iluminar tudo que está bem próximo a frente do veículo.

A diferença é que a iluminação é feita através de um facho de luz aberto, justamente para ajudar o motorista a se localizar na estrada, é de curto alcance, mas, bem largo, assim, consegue ter uma iluminação bem próxima ao veículo.

Os faróis de neblina não devem ser ligados quando não há nevoeiro, já que a neblina se forma a 60 cm do chão aproximadamente, e como esse tipo de luz é mais espalhada, ofusca os outros motoristas, inclusive pelo retrovisor!

 

 
Quando utilizar o Farol de Milha

O farol de milha fica próximo aos faróis tradicionais, justamente para jogar luz a longa distância, e assim, melhorar o conforto visual, já que aumenta a quantidade de luz no mesmo ponto desejado.

A visão lateral não é beneficiada, pois a luz é projetada para iluminar a frente apenas, e deve ser utilizada com cuidado, assim, como o farol alto, somente em casos de não haver outros motoristas no sentido contrário, senão pode causar cegueira temporária!

E os Faróis Auxiliares? Quando utilizar?

Existem várias marcas e tipos de carros no mercado, alguns, além dos faróis para neblina, já vem de fábrica com faróis auxiliares que são faróis de longo alcance, podem ser utilizados quando o farol alto já não é mais suficiente, ou seja, é um coadjuvante para o farol alto.

Regulagem das lâmpadas dos faróis de milha e farol de neblina

A substituição das lâmpadas dos faróis de milha e farol de neblina devem ser feitas após 400 horas de uso, isto é o que garante a qualidade na luz refletida.

Já no caso do farol de neblina é interessante frisar que não adianta apenas substituir a lâmpada, pois, o foco deve ser regulado e apontado para o chão, aproximadamente um metro a frente do carro, e caso a lâmpada não fique na posição correta, o farol de neblina não beneficiará no momento de nevoeiro, por isso, é aconselhável pedir ao eletricista para fazer essas substituições.

E aí? A matéria ajudou a diferenciar e quando utilizar?

Por favor, deixe sua opinião para nós nos comentários.

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.
Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados. Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade. Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu veículo.